Edifício na Avenida Almirante Reis, n.º 1 a 1C

IPA.00002540
Portugal, Lisboa, Lisboa, Arroios
 
Arquitectura residencial, ecléctica. Edifício cujas características revelam a cultura que marcou o início do séc. 20, sobretudo ao nível dos elementos empregues, como o ferro e o azulejo, que nos registos que percorrem as fachadas revelam um gosto Arte Nova.
Número IPA Antigo: PT031106060130
 
Registo visualizado 136 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

Categoria

Monumento

Descrição

Planta longitudinal. Massa simples de acentuada verticalidade, composto por 4 pisos e mansarda, coberto por um telhado misto, de telha de canudo, rasgado por trapeiras. O 1º piso tem várias portas e vitrinas. As portas de feição mais antiga são de verga curva. Os pisos seguintes têm um tratamento idêntico entre si, caracterizando-se por um conjunto simétrico de janelas de peito, de sacada e janelas com varandas corridas, emolduradas em cantaria. A divisão dos pisos é feita por uma moldura em cantaria, pouco saliente, que percorre todo o edifício. É encimado por uma cornija saliente e platibanda interrompida por trapeiras rasgadas por janelas com varanda corrida, e encimadas por cornija, sendo esta, coroada por uma espécie de frontão curvo. A fachada lateral N. é composta por 3 largas varandas ao nível do 2º, 3º e 4º pisos (A do 2º encontra-se fechada por vidro), com gradeamento em ferro forjado.

Acessos

Avenida Almirante Reis, n.º 1 a 1 - C e Rua Nova do Desterro, n.º 2 e 2 - A

Protecção

IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 8/83, DR, 1.ª série, n.º 19 de 24 janeiro 1983 *1 / Incluído na Zona de Proteção do Aqueduto das Águas Livres (v. IPA.00006811)

Grau

2 - imóvel ou conjunto com valor tipológico, estilístico ou histórico ou que se singulariza na massa edificada, cujos elementos estruturais e características de qualidade arquitectónica ou significado histórico deverão ser preservadas. Incluem-se neste grupo, com excepções, os objectos edificados classificados como Imóvel de Interesse Público.

Enquadramento

Urbano. Edifício de gaveto, situa-se no lado O. da Avenida, isolado. Implantação destacante.

Descrição Complementar

O 1º piso é revestido a cantaria branca e os seguintes a azulejos cinza esverdeados, interrompidos por registos horizontais de azulejos policromados. No 2º - e 3º pisos, as vergas das janelas de sacada, bem como as das varandas corridas, são encimadas por painéis de azulejos policromados com motivos florais. O 4º piso é todo corrido superiormente por um registo de azulejos idêntico aos anteriores. Este desce um pouco abaixo das vergas dos vãos das janelas, contornando-as. As janelas das trapeiras também têm painéis de azulejos sobre as suas vergas, de cores idênticas aos dos pisos inferiores, mas com motivos menos estilizados. O proprietário do edifício é o Sr. Ramiro, também dono de um dos estabelecimentos comerciais (cervejaria).

Utilização Inicial

Residencial: edifício

Utilização Actual

Residencial: edifício / Comercial: loja

Propriedade

Privada

Afectação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

ARQUITECTO: Joaquim Francisco Tojal (1905).

Cronologia

1905 - Entrega do requerimento de pedido de construção do edifício por Francisco Oliveira Sommer, tutor de João Agostinho da Costa Garcia; o projecto é de autoria de Joaquim Francisco Tojal.

Características Particulares

Os registos de azulejos que encimam as vergas das janelas fazem uso de uma variada gama de cores que vai do amarelo torrado aos castanhos e vermelhos, passando pelos azuis e verdes. Os motivos florais são compostos por um conjunto de folhas e flores num emaranhado curvo dando-lhes bastante movimento.

Dados Técnicos

Sistemas estruturais - paredes autoportantes.

Materiais

Alvenaria, cantaria, azulejo, madeira, vidro, ferro e telha.

Bibliografia

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

*1 - DOF: Edifício situado na Avenida Almirante Reis, n.º 1 a 1 - C, tornejando para a Rua Nova do Desterro, n.º 2 e 2 - A.

Autor e Data

João Silva 1992

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login