Fonte da Rua de São João / Fonte da Ribeira

IPA.00005538
Portugal, Porto, Porto, União das freguesias de Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória
 
Arquitectura civil pública, barroca. Fonte espaldar monumental organizado em três registos, cada um deles com três corpos. O seu espaldar monumental resulta do facto de se opor e acompanhar a fachada lateral de um edifício de três pisos.
Número IPA Antigo: PT011312130025
 
Registo visualizado 1889 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Hidráulica de elevação, extração e distribuição  Chafariz / Fonte  Chafariz / Fonte  Tipo espaldar

Descrição

É constituída por três registos separados por friso, cada um com três panos delimitados por pilastras. No corpo central do primeiro registo tem corpo avançado encimado por cornija com uma urna de pedra, e duas bicas estreladas de onde cai a água para tanque semicircular. Segundo registo com nicho central *3, e laços e festões nos corpos laterais. Terceiro registo com armas de Portugal em amplo paquife no corpo central e medalhões decorados com folhas suspensos de argola e laço nos laterais. Entablamento de ordem dórica sobrepujado por cachorros que suportam a varanda gradeada do terceiro piso do edifício.

Acessos

Rua de São João, Praça da Ribeira

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto nº 28 536, DG, 1ª série, n.º 66 de 22 março 1938 *1

Enquadramento

Urbano, adossada, implantada no topo N. da praça da Ribeira. Faceia o prédio que faz a divisão entre a Rua de São João e a Rua dos Mercadores e é precedida por escadaria em leque de cantaria. No centro da praça, encontra-se a obra escultórica denominada "O Cubo" da autoria de José Rodrigues *2.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Hidráulica: chafariz

Utilização Actual

Cultural e recreativa: fonte ornamental

Propriedade

Pública: Municipal

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Arquitecto: John Whitehead (atr.); Escultor: João Cutileiro; Mestre Pedreiro: José Francisco.

Cronologia

1783 - Data provável em que João de Almada e Melo manda construir esta fonte, em substituição de uma outra, seiscentista, construída em 1678, que se encontrava no meio da Praça da Ribeira; 1786 - conclusão das obras; 2000, 22 Junho - colocação no nicho da imagem de São João, da autoria de João Cutileiro.

Dados Técnicos

Estrutura autoportante.

Materiais

Estrutura em cantaria de granito.

Bibliografia

ALVES, Joaquim Jaime B., O Porto na Época dos Almadas - Arquitectura. Obras Públicas, Porto, 1988; Porto a Património Mundial, Porto, 1993; QUARESMA, Maria Clementina de Carvalho, Inventário Artístico de Portugal - Porto Cidade, Lisboa, 1995; SILVA, Germano da, Fontes e Chafarizes do Porto, Porto, 2000; VELASQUES, Gabriel Pedro, Memórias d'água: fontes, fontanários e chafarizes, Matosinhos, 2001.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN / DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

CMP: 1940 - Obras de recuperação da fonte.

Observações

O actual traçado da praça data do séc. 18, sendo da autoria de João de Almada e Melo, em que colaborou John Whitehead. Segundo Germano da Silva, foi durante estas obras, que o chafariz primitivo foi colocado junto da Porta da Ribeira, não tendo retornado à localização primitiva, e sendo, então, construída de raíz uma nova fonte, que corresponde à actual. Inicialmente era alimentada pelo manancial de Malmeajudas e, ultimamente, pelo de Paranhos. *1 - DOF: Chafariz da Rua de São João ( restos ); *2 - Esta obra aproveitou os fragmentos, talvez do antigo chafariz, encontrados no local, durante obras de pavimentação, tendo sido possível reconstituír o tanque; *3 - No nicho esteve, primitivamente, a imagem de São Pantaleão.

Autor e Data

Isabel Sereno / Miguel Leão 1994

Actualização

Patrícia Costa 2004
 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login